Relatório VIII - 3/6/14 (IV Pilares)

Aula VIII

Técnica:

Técnica da Aquarela, o fogo: inserir amarelo no vermelho; a roda das cores: a voz das cores sob a luz do amarelo

Material:

Canson A4, Pincéis chatos macios no. 18, tintas (3 cores primárias), base impermeável, potes para água, bandeja para mergulhar papel, esponjas, potes para diluição da tinta, panos.

Participantes:

Henrique, 13, Gabriela 13

Recursos Humanos:

Deriana Miranda – professora

Regiana Miranda – apoio

Tema:

Gullveig

Caminho:

Passo I

Revisão do Sacrifício de Odin

Contação da tortura de Gullveig – a inspiração para o sacrifício de Odin – o antigo, a força do feminino, a conquista liberdade pelo sacrifício

Passo II

Pintura fase I: Gullveig entre os Aesires – a roda das cores;

Pintura fase II: Gullveig ardendo no fogo.

Evidências:

Henrique se sente a vontade na pintura – comemorou a tortura do feminino e gostaria que Gullveig tivesse morrido. Gabriela, também colocou-se desta maneira e reforçou a questão da necessidade de se apurar culpa e de impor uma punição.

A libertação de Gullveig foi surpreendente para os dois. A força feminina não parece ter reconhecimento por nenhum deles.

Henrique isolou completamente Gullveig do fogo – não há permeabilidade da força feminina. Gabriela mal evidenciou sua presença em um desenho posterior sobre a aquarela, que sumiu – presença débil da força do feminino.

Aula IX: Guerra entre Vanires e Aesires + a bebida da poesia