Sinta na água

13 março 2013, Comentários 0

monet ponte japonesa 

Pare no meio da gente,
no meio do nada.
Parado é como se sente
a gente espalhada.

Nade embaixo da ponte
de olhos fechados.
Nadando sinta em corrente
o calor pelas frestas.

Brilhe sereno
o Sol sobre a gente
Nadando espalhada!

Ame o Sol espalhado
nadando contente.

Deriana Miranda

Professora há 27 anos, 13 como professora Waldorf, Deriana Miranda é licenciada em Educação Artística Artes Plásticas - FAP, Licenciada e Bacharel em Letras Português/Inglês – UFPR e Especialista em Meio Ambiente, Educação e Desenvolvimento – UFPR. Cursou o Seminário de Pedagogia Waldorf - FEWB, frequentou o Curso Livre de Ciências Naturais e Humanas: Pesquisa e desenvolvimento da Epistemologia e Prática da Pedagogia Waldorf – FEWB, e é co-fundadora do Liceu Rudolf Steiner – empreendimento social fundamentado na Pedagogia Waldorf e do Jardim Limão Rosa, uma iniciativa Waldorf, no qual é atualmente professora.